Turismo de Neve

Turismo de Neve

Surpreende a muitos visitantes que em Granada, na Andaluzia, terra famosa pelas suas praias e a abundância de sol, seja possível esquiar.

E não só é possível, mas ainda Serra Nevada é actualmente a melhor estação invernal da Espanha. O milhão de pessoas que todos os anos a visitam certificam esta qualidade, que se viu recompensada em 1996 com a organização do Campeonato do Mundo de Esqui.

O pico Mulhacén, o mais alto da Península Ibérica, eleva-se até aos 3.478 metros, uma altitude que garante a abundância de neve de qualidade apesar de a estação de esqui de Serra Nevada ser a mais meridional da Europa. Esta privilegiada situação geográfica garante ainda um grande número de dias de sol em pleno Inverno.

A concessão do Campeonato do Mundo de Esqui em 1996 supôs o total reconhecimento internacional da estação granadina. Os investimentos públicos e privados que nessa altura foram acometidos permitem oferecer hoje a Serra Nevada as mais modernas instalações e serviços. A estação dispõe de 79 pistas com diferentes graus de dificuldade e uma longitude total de 84 quilómetros, onde se pode praticar tanto o esqui como o snowboard. Um dos principais atractivos de Serra Nevada é a possibilidade de esquiar de noite numa pista iluminada e especialmente condicionada. Conta, ainda, com dois circuitos de 8,6 quilómetros para esqui de fundo, disciplina que também se pode praticar na segunda estação invernal do distrito, a da Ragua.

O acesso rápido e cómodo às pistas de Serra Nevada a partir da área residencial e comercial de Pradollano está assegurado por 24 modernos remontes: duas telecabinas, 17 telecadeiras, dois telesquis, dois tapetes rolantes e uma telecorda, que permitem transportar até 47.000 esquiadores por hora. Aproximadamente 400 canhões para a produção de neve garantem o perfeito estado das pistas.

Mas Serra Nevada também existe no Verão. Na época estival, com dias claros e térmicas óptimas, oferece unas condições óptimas como ponto de descolagem de parapentes, até ao ponto de que é sede habitual de provas do Campeonato do Mundo desta especialidade desportiva. O local ideal para a aterragem são, sem dúvida, as idílicas praias da próxima Costa Tropical. Se voou de manhã, o amador dos deportes “de aventura” poderá praticar o mergulho à tarde nos espectaculares fundos de Cerro Gordo. Ou se calhar, atrever-se com o windsurf; o golfe; ou, talvez, simplesmente nadar e apanhar sol.

Igual que Serra Nevada, todas as comarcas do distrito possuem belas paragens ideais para serem percorridas a pé, em bicicleta de montanha ou a cavalo. Nos rios pode-se praticar a descida de barrancos e também actividades mais relaxadas, como a pesca desportiva da truta, em Riofrío. A Caverna da Agua, em Iznalloz, é idónea para se iniciar na espeleologia.

No site de Serra Nevada na Internet poderá encontrar dados e informação actualizada sobre as pistas, qualidade da neve, novos remontes, venda de forfaits, oferta hoteleira e outros muitos serviços. No site existe também um enlace ao gabinete de imprensa de Cetursa, a empresa pública que gere a estação invernal.

www.sierranevadaski.com

Para além de excelentes condições para a prática do esqui de fundo, a segunda estação invernal do distrito, o Porto da Ragua, no limite entre os distritos de Granada e Almería, oferece a possibilidade de desfrutar da experiência única de se deslizar a toda a velocidade por paragens cheias de neve num trenó puxado por cães de raças samoyedo e husky. Guias experimentados conduzem os trenós, pertencentes a empresas de turismo rural que também organizam actividades como tiro com arco e sobrevivência.



Login

Registro | Contraseña perdida?